“Aquele que abre mão do próprio poder, algumas vezes, se enche de um poder maior ainda”.

O Feiticeiro de Terramar, de autoria de Ursula K. Le Guin, é o primeiro livro da tetralogia do Ciclo de Terramar, tendo sido lançado em 2016 pela Editora Arqueiro.

Ursula K. Le Guin já é um nome conhecido e de prestígio na literatura de ficção científica, mas, com O Feiticeiro de Terramar, ela foi muito além: escreveu uma história de fantasia fascinante e, ao mesmo tempo, simples.

O livro conta a história daquele que um dia será conhecido como o maior Feiticeiro de Terramar, Gavião. Desde que descobriu seus poderes, Ged, o verdadeiro nome do futuro mago, enfrentou inúmeros desafios, até que parte para iniciar seus estudos em uma escola de feiticeiros e, bem, vive e aprende muito.

Terramar é o predecessor de Harry Potter, e como tal, traz promessas de uma narrativa fantástica, dinâmica e com personagens cativantes; as promessas que o livro traz, bem, ele as cumpre! No entanto, Ursula subverte alguns aspectos que se espera de um livro de fantasia – como grandes batalhas, guerras sangrentas e um herói ético e moralmente consciente de si – e nos dá originalidade, introspecção e humanização.

 

Adicione ao Skoob

O Feiticeiro de Terramar é, antes de tudo, um livro sobre autodescobrimento. Sobre a máxima de vários sábios gregos: “Conhece-te a ti mesmo”. Ursula foca no crescimento pessoal de Ged, em suas escolhas, que o moldam e o caracterizam, sejam elas boas ou más. O livro trata de uma busca por si mesmo, uma jornada de autoconhecimento e aceitação.

Detalhes da edição

A autora se vale da fantasia para poder nos mostrar que toda jornada começa com a busca por si mesmo. Por quem somos, o que nos completa e o que nos motiva. Ursula pondera,ainda,sobre o fato de que a luz e as trevas habitam e equilibram nossa consciência e nos tornam únicos.

“O sábio não precisa perguntar, o tolo pergunta em vão.”

A escrita é rica, detalhada, mas de fácil compreensão. Não há muitos diálogos inseridos na narrativa. O texto é simples, talvez até para atingir o público-alvo infanto-juvenil da época.

folha1

Uma coisa que me chamou muito atenção foi o posfácio. Ursula conta seu desagrado em se sentir limitada a escrever para um determinado público e ainda tece comentários sobre os problemas do gênero Fantástico, como o fato de que maioria dos protagonistas são homens, geralmente brancos. As mulheres que são apenas personagens secundários, alvo do amor e do encanto dos mocinhos e representadas como “prêmios” a serem conquistados pelos heróis.

Outro ponto importante é o fato de as narrativas fantásticas sempre se valerem de guerras, onde existe o lado do bem e do mal. Mas, se formos parar para pensar no assunto, podemos concluir que a guerra não traz bem a ninguém e, no final das contas, talvez quando se trate disse, nem mesmo exista o bem ou o lado certo.

Eu sou fã da Ursula. É uma das minhas autoras preferidas, e espero que mais livros dela possam ser lançados no Brasil. A edição da Arqueiro está bem bonita e mal posso esperar para ler o segundo volume do Ciclo de Terramar com, “The Tombs of Atuam”, que será lançado ainda em 2017!

Onde Comprar: Amazon | Saraiva | Submarino

O Feiticeiro de Terramar Book Cover O Feiticeiro de Terramar
Ciclo de Terramar #01
Ursula K. Le Guin
Fantasia; Infanto-Juvenil
Editora Arqueiro
2016
320

Há quem diga que o feiticeiro mais poderoso de todos os tempos é um homem chamado Gavião. Este livro narra as aventuras de Ged, o menino que um dia se tornará essa lenda. Ainda pequeno, o pastor órfão de mãe descobriu seus poderes e foi para uma escola de magos. Porém, deslumbrado com tudo o que a magia podia lhe proporcionar, Ged foi logo dominado pelo orgulho e a impaciência e, sem querer, libertou um grande mal, um monstro assustador que o levou a uma cruzada mortal pelos mares solitários. Publicado originalmente em 1968, O feiticeiro de Terramar se tornou um clássico da literatura de fantasia. Ged é um predecessor em magia e rebeldia de Harry Potter. E Ursula K. Le Guin é uma referência para escritores do gênero como Patrick Rothfuss, Joe Abercrombie e Neil Gaiman.

Facebook Comments

Keyla Kercya

Apaixonada por fantasia,terror e quadrinhos. Tem uma crush pelo Batman, Nightwing,Bluebird e Harley Quinn. Gótica assumida que ama Unicórnios!